terça-feira, 10 de abril de 2012

Mordidas.

Quinta feira 05-04 estava acabando de limpar a casa isso era umas 18:00 minha sogra chegou com a minha filha (ela fica com ela enquanto vou trabalhar) e disse pra mim:

Fran você não sabe o que aconteceu:
Eu já arregalei os olhos e perguntei O QUE?
Ela disse; o Pietro mordeu a Júlia e virou minha filha de costa pra eu ver

Pietro é o único priminho, filho irmão do meu marido, ele tem 1 ano e 6 meses.
Na hora eu juro que o sangue SUBIU na cabeça e desceu ao mesmo tempo, fiquei o CÃO de brava, meu Deus minha filha foi MORDIDA? Na hora passa mil coisas na cabeça, mas agente tem que ter MUITA paciência, MUITA MESMO!
Disseram que corrigiu ele, e tudo mais (coisa que eu não acredito).
Espero que seja a primeira e ultima vez, porque se acontecer de novo ai ai ai.

desabafei pronto!


O mundo pela boca !

Crianças pequenas têm interesse e curiosidade por tudo que há à sua volta. A grande interação com o mundo, todos sabem, principia pela boca, por onde o indivíduo faz importantes descobertas separando o que o constitui e o que constitui o outro. Significativas sensações de prazer físico, psíquico e social acontecem nesse período, que acompanha a dentição. Na fase oral, encontramos, com frequência, a criança mastigando, sugando, chupando, produzindo sons, levando objetos à boca. E mordendo. Desejando conhecer o outro, apropriar-se dele - coisas e pessoas - , manifesta-se desse modo, com essa agressividade primitiva.


6 comentários:

"Maria Heloisa" disse...

Olha eu tenho um medo terrivel que isso venha acontecer com o Renan acho que iria descarregar a raiva falando umas boas coisas para os pais mais no fundo eu intendo que a maioria das crianças fazem isso não sei por que =)

imagino a dorzinha que ela sentiu #morro com isso.

beijinhos ♥

Nossa Princesinha Yasmin disse...

Nossa amiga imagino a raiva que você ficou!!!
Eu morro de medo da Yasmin voltar mordida da creche.


Beijinhos

Futura mãmã disse...

Imagino voce neg..afinal quem gosta que nosso filho seja mordido.bj

Augusta disse...

aiaiai, que situaçnao, caraca...imagino como deve ter se sentido...
com calma as coisas se ajeitam, tenha uma conversa franca com ele e com a mãe.
vbju

Ich, Hausfrau disse...

Eu ficaria com raiva tbem... mas fazer o que nessas horas? Pegar o menino de jeito e descer-lhe o cacete? Não pode né... tem que ter muita paciência mesmo! bjo

Than disse...

Ai meu Deus!
Anna morde todo dia alguem na creche todo dia...e eu tb fico puta, mas com vergonha ne!
Fico imaginando os pais das crianças mordidas pela minha filha!

Jesus!

Bjos